Escalada de violência: Com mais duas mortes em Valente, região do Sisal acumula 14 assassinatos em 4 dias

 

A onda de assassinatos que apavora a população da região do Sisal se intensificou nesta quarta-feira (6) com 6 homicídios registrados em três cidades do território em pouco mais de 3 horas. Segundo apurou a reportagem, os crimes ocorreram entre 11h40 e 15h. Entre as vítimas desta quarta, dois morreram em Valente, cidade que fica a 65 km de Serrinha, sendo que um homem foi morto enquanto conversava com familiares na porta de casa, no bairro Casas Populares.

Testemunhas relataram que Roberval Marcelino dos Santos, de 40 anos, conhecido como "Fiinho Mototáxi", foi surpreendido com a chegada de homens encapuzados e fortemente armados.

No povoado de Tanquinho, a 9 km da sede do município, um homem identificado como Danilo Simoes Ferreira, de 25 anos, foi assassinado com vários tiros por homens em um carro não identificado, segundo as primeiras informações. O homem foi baleado na cabeça e abdômen. Ambos os assassinatos estão sendo investigados pela Polícia Civil.

Do fim da tarde de domingo (3) até esta quarta-feira (6), a região acumulou 14 mortes, nesta que é a maior escalada de violência dos últimos anos na região. Em Retirolândia, cidade com pouco mais de 14 mil habitantes, foram 6 assassinatos até agora. Conceição do Coité teve 4, Santa Bárbara (1), São Domingos (1) e Valente (2).

Um dos crimes foi praticado contra o policial militar Gilson Rodrigues Pereira, morto com dois tiros durante uma festa motociclística, no povoado Vista Bela, na zona rural de Retirolândia.

Além disso, dois homens suspeitos de assassinar o soldado Gilson morreram após uma troca de tiros com guarnições da PM em Conceição do Coité.

Nenhum comentário:

Postar um comentário